Virtual Guia

Olá! Seja bem-vindo. Hoje é quarta-feira, 21/02/2018 12:11:38.

Ainda não é usuário? Cadastre-se. É Grátis! | Efetuar login

Categorias

Notícias

26/03/2011 Itapeva receberá mais recursos para saúde pública


O anúncio do governador Geraldo Alckmin sobre a liberação de R$ 94 milhões para Santas Casas e hospitais filantrópicos do Estado causou grande repercussão. Os recursos são referentes ao programa Pró-Santas Casas, que oferece auxílio mensal fixo para compensar o déficit que as instituições têm com a tabela de procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS). É previsto para Itapeva repasse de R$ 140 mil mensais.

De acordo com o secretário municipal da Saúde de Itapeva Marco André D’Oliveira, o município registra grande demanda de atendimento para outros municípios, como Sorocaba. Porém, o serviço não é utilizado da melhor maneira por deficiência no atendimento do Conjunto. “Esperamos que estes investimentos proporcionem uma melhoria no nosso acesso, apesar da distância. Melhor ainda seria se esses recursos pudessem vir para nossa região”, ressalta.

Em Itapeva, cerca de 2000 pacientes viajam todos os meses para consultas, tratamentos e cirurgias. As cidades mais solicitadas são Jaú, Bauru, Itapetininga, Sorocaba e principalmente São Paulo. O secretário explica que esse quadro é devido a organização de fluxos e referências de saúde no estado de São Paulo. Procedimentos em áreas específicas como oncologia, oftalmologia, otorrinolaringologia, e cirurgias de alta complexidade ainda não são realizados pela Santa Casa de Itapeva.

Marco afirma ainda que parte dos passageiros que são deslocados para outras cidades fazem parte do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (IAMSPE). “São servidores do estado que ainda possuem atendimento centralizado no Hospital do Servidor, em São Paulo”, conta. “Nosso intuito sempre será de diminuir o número de viagens, melhorando e aumentando a capacidade de atendimento em Itapeva”, afirma. Itapeva já está realizando a Hemodiálise, procedimento antes realizado em outros municípios.

No total, 121 instituições serão beneficiadas pelo programa neste ano. "Trata-se de um reforço importante para o caixa dos hospitais filantrópicos, para que eles possam continuar atendendo os pacientes que dependem da rede pública. São Paulo, mais uma vez, reforça o compromisso de apoiar financeiramente instituições que são parceiras do SUS", afirmou o secretário da Saúde de São Paulo, Giovanni Guido Cerri.


Fotos

Comentários

Deixe seu comentário:

É preciso fazer login para escrever um comentário. Identifique-se e comente.