Virtual Guia

Olá! Seja bem-vindo. Hoje é domingo, 19/08/2018 05:02:14.

Ainda não é usuário? Cadastre-se. É Grátis! | Efetuar login

Categorias

Notícias

10/02/2012 Itapeva participa da fase regional do Mapa Cultural Paulista 2011/201.

Por: Alene Santos

Após alguns meses de espera e muita expectativa, os jovens e adolescentes do Ponto de Cultura Jovem Cultura em Ação se apresentaram ontem, 05 de fevereiro, na fase regional do Mapa Cultural Paulista 2011/2012 - categoria teatro.

Representando Itapeva, com a peça Marias do Brasil, os atores fizerem bonito no palco e conquistaram mais uma vez a empatia do público.

Por trás das coxias e nos bastidores, músicos e equipe técnica também não deixaram nada a desejar. Com muita garra, dedicação e força de vontade, antes, durante e depois do espetáculo ajudaram os itapevenses a brilhar em cena.

O grupo contou ainda com o apoio das Secretarias Municipais de Educação e Cultura e Turismo de Itapeva.

A apresentação aconteceu em Salto, na Sala Palma de Ouro – CEC e foi a única inscrita com foco no teatro musical.

Após o desfecho, os jurados, juntamente com o grupo, reuniram-se num bate papo, onde foi destacado o talento dos jovens itapevenses e apontados alguns aspectos técnicos para o melhor aperfeiçoamento da peça.

Esta é a primeira vez que o Ponto de Cultura Jovem Cultura em Ação participa de uma competição.

O município concorre com mais 12 cidades: São Roque, Fartura, Tietê, Quadra, Cesário Lange, Boituva, Avaré, Itu, Tatuí, Itararé, Itapetininga e Salto. De todas, somente as peças de Itapeva e Avaré são destinadas ao público infantil.

A Comissão de Seleção definirá qual destas irá representar a região na Fase Estadual do Mapa Cultural Paulista.

A premiação e divulgação do resultado acontecem no próximo domingo, 12.

Saiba mais - O Mapa Cultural Paulista tem como objetivo identificar, valorizar e promover o intercâmbio da produção cultural em todo o Estado de São Paulo com o propósito de revelar uma grande vitrine de artistas e obras de todas as regiões paulistas.

Marias do Brasil – Obra de Chico César com participação musical do grupo Barbatuques, conta de maneira alegre e divertida a história do príncipe português chamado Pedro. Desesperada com a possibilidade de algum mal acontecer ao filho, à rainha Maria Louca convoca as fadas madrinhas Maria Fumaça, Maria Mole e Maria Escandalosa para proteger o príncipe, porém, o menino é amaldiçoado pela vilã Maria Fedida no dia de seu nascimento. As fadas fogem com o menino em direção às índias, mas durante a viagem muitas aventuras acontecem.

A realização do espetáculo conta com a montagem do diretor geral Andrei Alberto Müzel, direção musical de Fabrício Fávaro, direção coreográfica de Fernanda Lahoud Dias e com uma equipe de produção que colabora para que toda montagem seja possível, desde o figurino até a cenografia e sonoplastia da peça.

Os Pontos de Cultura - Ponto de Cultura é o resultado de uma parceria entre o Ministério da Cultura e a Secretaria de Estado da Cultura/SP, criado em 2009, nesta dimensão estadual.

A rede de 300 Pontos de Cultura tem como objetivo apoiar entidades e incentivar iniciativas de ação cultural investindo assim 54 milhões em três anos em todos os pontos espalhados pelo estado de São Paulo.

As ações estão valorizadas nas seguintes áreas: Culturas populares, Culturas Digitais, Radiodifusão, Formação Cultural, Pensamento e Memória, Expressões Artísticas entre outras.

No Brasil são mais de dois mil pontos, aproximadamente 500 pontos no Estado de São Paulo, dos quais sete estão em nossa região sendo dois no município de Itapeva.

Ponto de Cultura Jovem - O Projeto “Jovem Cultura em Ação” propõe ações direcionadas a adolescentes e jovens, de 13 a 25 anos, com a proposta de formá-los em arte-educadores-sociais, visando a multiplicação da cultura e ainda colaborar com a valorização desse público no mercado de trabalho, uma vez que esses poderão ainda dar continuidade a esse projeto em suas comunidades locais, disseminando pela cidade, ao longo do tempo, o gosto pela arte.

Segundo Andrei Müzel, diretor cultural, perceber adolescentes e jovens de forma integral e mobilizar suas capacidades para que possam participar plenamente das culturas, conhecendo, apreciando, criando e pensando sobre a produção humana de seu tempo e de outros tempos, é a finalidade do Projeto Jovem Cultura em Ação.

“Neste sentido, esperamos com o projeto “Jovem Cultura em Ação” contribuir com a ampliação do espaço público cultural, de modo que a condição de igualdade - tanto nos planos econômico e social, como nos planos político e cultural - seja estendida ao segmento juvenil”, afirma Andrei.

“Jovem Cultura em Ação” conta com uma escola de formação artística, social e cultural. Sua estrutura é mantida por componentes curriculares em Dança, ministrada pela professora Fernanda Tereza Macedo Lahoud Dias; Teatro, ministrado pelo professor Andrei Alberto Müzel e Canto, ministrado pelo professor Fabrício Luiz Fávaro. Atende cerca de 50 adolescentes e jovens e tem como seu mantenedor a Fundação Senhora Santana de Itapeva em parceria com a Secretaria Estadual de Cultura e Ministério da Cultura.


Fotos

Comentários

Deixe seu comentário:

É preciso fazer login para escrever um comentário. Identifique-se e comente.